26/02/2013

Sopa de Legumes... em Fevereiro?

Foto não tão nítida, pois foi tirada à noite
É só ventar um pouquinho que eu já acho uma desculpa para fazer uma sopinha!
Aliás, nem precisa estar frio, sopa na janta aqui em casa é sempre muito bem-vinda! Marido pede e eu faço, porque também adoro. Mesmo que seja no verão!
A sopa é um prato tão leve, que dormimos super bem, pois é de fácil e rápida digestão, perfeito para a janta, daí a nossa justificativa para a nossa preferência.
O único perigo é que, como gostamos muito, precisamos variar e reinventar, para não cair na repetição. E se tem um prato que gosto de inventar é esse, sempre acabo jogando algo diferente dentro. Às vezes, quando o macarrão já está no ponto, quebro um ovo dentro da sopa e mexo para ele se separar em pedacinhos pequenos... hum! O sabor fica delicioso! Outras vezes coloco espinafre, repolho, resumindo o que tiver na geladeira e que combine.

Desta vez, fiz uma sopa somente com legumes (digo somente porque eu adoro colocar carne) e o tal do ovo estava lá. (na foto, deixei um pedaço relativamente grande do ovo sobre o macarrão para vcs entenderem como fica). E para o meu gosto, estava uma delícia.

Sopa de Legumes

4 batatas médias cortadas em pedaços
2 cenouras grandes cortadas em fatias grossas
1 abobrinha pequena cortada em cubinhos
3 cubinhos de espinafre (eu compro espinafre congelado e eles vem em cubinhos)
2 mandioquinhas pequenas (em alguns lugares, batata baroa)
2 tomates bem vermelhos cortados em cubinhos
1 ovo
1 cebola média picadinha
2 dentes grandes de alho picadinhos
Azeite, salsinha e sal a gosto

Preparo

1. Em uma leiteira, coloque para ferver 1 litro de água. Ao ferver, abaixe o fogo e mantenha a água quente. Reserve.
2. Numa panela de pressão, aqueça um fio de azeite e frite o alho e a cebola juntos por alguns segundos (não precisa dourar!).
3. Agregue o tomate e deixe cozinhar por alguns minutos até amolecer, tomando cuidado para não grudar no fundo da panela. Se necessário, adicione um pouco de água nessa etapa.
4. Em seguida, coloque a batata, a cenoura, a abobrinha, o espinafre e a mandioquinha e deixe refogar por alguns segundos.
5. Adicione a água quente, observe se a água cobriu todos os legumes. No meu caso, eu uso sempre como referência, o parafuso interno do cabo da panela, e coloco a água até nesse ponto (dica da mamis!), mas isso depende se você gosta da sua sopa com bastante ou pouco caldo.
6. Tampe a panela e deixa-a em fogo alto até pegar pressão.
7. Quando a panela começar a soltar o vapor, abaixe o fogo e deixe cozinhar por mais 20 minutos aproximadamente.
8. Depois desse tempo, desligue o fogo e com cuidado, leve a panela até a pia, abra a torneira e coloque-a em baixo da água, para que dessa forma você consiga abrir a panela.
9. Panela aberta, volte ao fogo e adicione o macarrão de sua preferência, obedecendo o tempo de cozimento descrito na embalagem.
10. Depois de cozido o macarrão, acrescente o sal e experimente (se necessário acerte o sal). Adicione o ovo (e mexa com um garfo) e por último a salsinha.
11. Sirva imediatamente acompanhada de torradas e queijo parmesão.

Se você quiser outras opções, é só acessar "Sopas" em nosso índice. Escolha a sua favorita e bom apetite!

Beijocas,
Cintya Maria





21/02/2013

Berinjela improvisada



Depois que a gente casa, os problemas mudam, isso é fato.
Enquanto que quando solteira o maior problema está em decidir que roupa usar para aquela balada especial, quando casada um dos maiores dilemas é inovar nas refeições, pois quem cozinha todos os dias sabe como é difícil variar o cardápio. Esse foi um dos motivos que me levou a buscar receitas na Internet e foi dessa forma que fui apresentada ao  universo dos blogs. Antes disso, me desculpem, mas eu nem sabia que eles existiam!
Cheguei nesse mundo dos blogs de gastronomia, e peguei um gosto tão grande, que ousei ter o meu próprio blog, pois imaginei que assim como eu, talvez muitas outras recém-casadas estivessem passando pelo mesmo problema: variar a "mistura". Pensei: "E por que não ajudá-las e estimulá-las à cozinhar, dividindo as minhas aflições, aventuras, acertos e erros no mundo das panelas?
E cá estou eu, um pouco melhor do que antes, pois posso dizer que nesse pouco tempo que estou aqui  com vocês (apenas 2 anos), aprendi muuuiiita coisa! E como aprendi!
Por isso, compartilho o pouco que sei, pois dividindo, multiplicamos, certo? E o resultado disso é tão gratificante! Quando um leitor nos escreve dizendo que fez tal bolo e ficou tão fofinho, vocês não imaginam como fico feliz! Às vezes penso: será que a pessoa é como eu, aprendiz de cozinheira? Fico só imaginando... E isso já me basta e me faz querer estar sempre aqui nesse cantinho que gosto tanto!

Hoje, por exemplo, não trago uma receita propriamente dita, mas sim uma dica de como "reciclar alimentos", ou melhor, reaproveitar algo que temos pronto na geladeira em uma outra receita, evitando assim o desperdício.

Eu tinha na geladeira, um restinho de carne moída que eu havia usado para rechear uma panquecas. E eu sabia que eu queria fazer um legume no almoço e esse legume seria a berinjela. Pensei de fazê-la no forno novamente, por ser mais saudável. E assim  a ideia foi surgindo... pensei em fazer algo em camadas... tinha que ser algo rápido e saboroso, pois eu não tinha muito tempo para preparar...
Com o "plano" traçado, parti para a execução.
Desta vez não fiz um molho 100% natural (que é o que geralmente faço e prefiro) por razões explicadas algumas linhas acima, porém o resultado que obtive foi muito bom! Sendo assim, decidi que vou compartilhar com vocês as dicas desse molho em outro post, certo?

Bem, vamos à execução!

Berinjela Improvisada
Rendimento: 4 porções

03 colh. (sopa) de manteiga sem sal em temperatura ambiente
1 berinjela grande, lavada e cortada em fatias no sentido do comprimento
1/2 pacote de queijo parmesão ralado
+/- 200g de carne moída já pronta
Molho de tomate (o quanto baste)
Lascas de muçarela, azeite, sal e pimenta-do-reino a gosto

Preparo

Pré-aqueça o forno (180°C)
1) Espalhe a manteiga em um recipiente refratário.
2) Cubra a manteiga com as fatias de berinjela. Regue as fatias com um fio de azeite e tempere-as com um pouco de sal e a pimenta. Lembre-se de que o queijo parmesão também irá salgar as fatias!
3) Repita o passo 1 (coloque a manteiga) e polvilhe queijo ralado sobre as fatias.
4) Coloque algumas lascas de muçarela.


5) Salpique carne moída sobre a muçarela.
6) Espalhe uma camada de molho de tomate.


7) Repita os passos 3, 4, 5 e 6 até acabarem as fatias de berinjela. Na última camada, finalize com um pouco de molho, carne moída e lascas de muçarela.


8) Leve ao forno por aproximadamente 20 minutos ou até que o queijo esteja bem derretido. Sirva imediatamente.

Bom apetite!

Beijocas,
Cintya Maria


13/02/2013

Brioches de Buttermilk & Laranja


Mais um pãozinho que saiu da minha cozinha...

E essa receita veio de um "blog-além-mar", que eu admiro muito, o impecável Cozinha da Duxa. Desde que o conheci, fiquei apaixonada... principalmente com os pães! Eles me apetecem demais! E as fotos são um encanto! Vale muito a pena visitar a cozinha dela!

Escolhi um brioche de buttermilk. Fiquei curiosa quanto à textura, pois sei que receitas preparadas com buttermilk são mais leves. E a outra razão de minha escolha foi as raspas de laranja na massa! A casa fica completamente invadida pelo perfume das raspinhas! Uma delícia! E claro, o resultado, é um brioche extremamente macio e com um sabor surpreendente!
É um dos melhores pães que já testei! Simplesmente magnífico!!!


Brioches de Buttermilk
Receita DAQUI

210 ml de buttermilk*
50g de margarina amolecida
1 ovo batido
60g de açucar
1 pitada de sal
raspa da casca de 1 laranja
500g de farinha de trigo
1 colh. (chá) de fermento biológico seco

*Preparo do Buttermilk (também conhecido como leitelho)

1) Adicione à 200 ml de leite integral ou semi-integral, 1 colher de sopa de vinagre ou sumo de limão.
2) Mexa e deixe repousar cerca de 15 minutos, até que fique talhado.
3) Aplique na receita.

Preparação na Máquinha de Fazer Pão:

1) Colocar os ingredientes pela ordem indicada, na cuba da máquina, e escolher o programa "Massas".
2) Ao término do programa, solte a massa e leve-a para uma bancada polvilhada com farinha.

A textura da massa

3) Modele os pães e coloque-os em uma forma untada e enfarinhada.
4) Pincele um pouco de leite sobre os pães.

Vejam as raspinhas de laranja na massa!
5) Deixe os pães levedarem por mais 30 minutos.
6) Leve ao forno pré-aquecido (180ºC) por cerca de 25 minutos, ou até que os brioches estejam dourados.



Caso você não tenha uma panificadora, o pão também pode ser feito manualmente como de costume.

Eu garanto que você irá se apaixonar por esse brioche!

Beijocas e um ótimo dia pra vc!
Cintya Maria

08/02/2013

Lamington Cake



Vi essa receita em Março do ano passado, no delicioso Chocorango, e desde então, ela não me saiu da cabeça e da minha lista de delícias a serem testadas.

Entretanto, fui adiando o preparo por achar que era uma receita trabalhosa, por ter que banhar os pedaços de bolo, um a um e rapidamente, antes que a calda esfriasse e ainda passá-los no coco ralado.
Ok, vocês podem pensar, "mas essa receita é parecida com o nosso Bolo Molhado", eu sei... Mas sabe quando a gente cisma? Então, foi assim...

Esse tempo chuvoso me fez ficar com vontade de comer um bolo, mas não qualquer bolo, digo, simples de tudo, e nem aqueles cheios de rebusques, tinha que ser um simples, porém especial, diferente! E para contribuir com essa minha vontade, eu tinha a tarde toda livre! Hum... seria a conspiração do universo??? Não! Seria a gulodice mesmo, achando uma desculpa pra testar mais uma receita e manter a "forma" de mais ou menos 5 quilos extras ganhos por causa do blog! Tudo culpa do blog mesmo, gente, não do meu sedentarismo! hahaha...

Vasculhei meu caderninho, o da minha avó, alguns livros e finalmente minha pasta virtual de receitas dos blogs que visito. E lá estava ele... me chamando... e esperando para sair da lista e se materializar na minha frente! Pronto! Escolhido! Então, mãos-à-obra! ;-)



Primeiro assei o bolo que ficou douradinho como citado na receita! Só com isso já fiquei feliz, pois a Talita dizia que poderia ficar assado nas bordas e mole no meio, mas isso não aconteceu! Ufa!!!
Depois fiz a calda que, por causa do friozinho que está fazendo por aqui, precisei fazer uma pequena alteração, acrescentei um pouco de leite, para obter uma consistência um pouco mais líquida. Deu super certo, ainda bem!

O Lamington cake é extremamente macio e leve. A cobertura, que traz a combinação perfeita entre o cacau e o coco, contrasta com o sabor levemente adocicado do bolo. Confiram o resultado...



Não deixem de testar essa delícia!!!


Lamington Cake
Receita quase nada adaptada DAQUI
Rendimento: aprox. 20 quadrados.

7 ovos em temperatura ambiente
1/4 colher (chá) de sal
225g de açúcar
80g manteiga
200g de farinha de trigo

Para Banhar

400g de açúcar de confeiteiro
115g de cacau em pó
1/2 xíc. (chá) de leite integral quente
100ml água quente
100g de manteiga
200g coco ralado


Preparo

1) Derreta a manteiga em fogo mínimo e deixe por mais 2 minutos, sempre mexendo. Reserve.

2) Pré-aqueça o forno a 180˚C. Unte e enfarinhe uma forma retangular de 30cm.

3) Peneire a farinha e reserve.

4) Na batedeira, bata os ovos com o sal até dobrar de volume.

5) Acrescente pouco a pouco o açúcar, sem parar de bater. Bata por mais alguns minutos, até que os ovos estejam bem aerados e que deixem um rastro quando o batedor é levantado.

6) Em velocidade baixa, acrescente a farinha por um lado e a manteiga por outro, não demore muito tempo ou os ovos perderão volume.

7) Terminado os ingredientes, desligue imediatamente e misture com uma espátula delicadamente, com movimentos de baixo para cima.

8) Despeje na forma untada e leve para assar por +/- 40 minutos, ou até que as bordas estejam douradas e o centro assado. Faça o teste do palito.

9) Retire do forno e deixe esfriar por 5-10 minutos. 

10) Corte quadrados de 5cm e deixe-os esfriar sobre uma grade.

Para Banhar

1) Retire a "casquinha" dos pedaços de bolo, assim ficará mais fácil para banhar.

2) Derreta a manteiga e reserve.

3) Em um recipiente refratário, bata o açúcar, cacau, a água quente e o leite até que esteja homogêneo. 

3) Adicione a manteiga derretida e misture delicadamente com uma espátula.

4) Encaixe o refratário sobre uma panela com água fervente, assim a calda não esfriará, ficando mais fácil para banhar os pedaços de bolo.

5) Apoie um quadrado de bolo sobre um garfo grande (eu usei aqueles de churrasco) e com uma colher bem grande, despeje a cobertura de chocolate sobre ele, tomando cuidado para cobrir todos os lados.

6) Escorra bem o chocolate e coloque os pedaços sobre uma grade ou sobre papel manteiga.

7) Cubra todos os lados do bolo com o coco ralado.

8) Retire o excesso do coco e coloque em um prato de servir para secar.

9) Repita o processo até acabarem todos os quadrados de bolo.

10) Se achar necessário, leve os bolos para gelar.


E agora eu preciso ir, pois tenho que guardar as energias para a grande folia dos próximos dias...

Desejo à todos um ótimo feriado de Carnaval! E muito juízo também! rsrs

Beijocas adocicadas,
Cintya Maria

06/02/2013

Pão de Leite Condensado



Olá pessoal!

Antes de começar a conversa, preciso dizer que estou in love com a minha MFP (Máquina de Fazer Pão)!

* .*   pausa para os suspiros... ai... ai...  *.*

Eu só lamento que, como somos apenas dois aqui em casa (amore e eu), eu não possa fazer uma receita diferente por dia... As receitas são grandes e duram quase a semana toda! Para não comermos tudo sozinhos, faço "doações" para meus pais, sogros e mais recentemente a minha vizinha.
Não, ainda não pensei em montar uma barraquinha de pães, a produção não é tão grande assim e ainda sou uma aprendiz de padeiro. rsrs...

Bem vamos ao que interessa!
Após testar algumas três receitas do livrinho que veio junto com a minha MFP , resolvi arriscar e fazer um pão do MEU livro de receitas. Admito que foi super fácil, apenas segui a ordem dos ingredientes como recomendado no manual. Coloquei na cuba primeiro os ingredientes líquidos e depois os secos e sobre a farinha de trigo o fermento. Simples assim!
Depois apertei o botão e coloquei a bonitinha para trabalhar, enquanto eu fazia uma outra parte do  interminável trabalho doméstico.
A única coisa que tive que ajustar, foi a quantidade de farinha para obter o ponto certo e nada mais!  Quando ela (a MFP) me chamou (apitou), foi só dividir a massa e modelar os pães, que descansaram por mais um tempo e logo em seguida foram para o forno.

E no meu 5 o'clock tea (chá das 5) teve pão doce fresquinho e quentinho! Humm... quer coisa melhor?

Pão de Leite Condensado
Receita de Família

04 ovos
1 lata de leite condensado
1/2 lata* de óleo de canola
1/2 lata* de água morna
50 g de fermento biológico fresco (ou 03 colheres de sopa de fermento seco, tipo Fermix)
+/- 600 g de farinha de trigo (até dar o ponto)
Leite para pincelar sobre os pães

* use a lata do leite condensado como medida

Preparo na MFP

1) Coloque na cuba de sua MFP os ingredientes, seguindo rigorosamente a ordem acima.
2) Selecione o programa "massas".
3) Após o término do programa, retire a massa da cuba e em uma superfície enfarinhada modele os pães e coloque-os em assadeiras untadas e enfarinhadas.
4) Deixe os pães dobrarem de tamanho.
5) Pincele os pães com leite
6) Leve ao forno pré-aquecido (180°C) por aproximadamente 40 minutos ou até que a superfície esteja dourada.

Olha como os meus cresceram...


E aqui, quando começaram a ficar dourados...


7) Depois de assados, retire os pães das formas e coloque-os sobre uma grade para resfriarem.


Preparo manual

1) Dissolva o fermento biológico fresco na água morna. Deixe a mistura descansar por +/- 5 minutos.
2) Enquanto isso, com um fouet (batedor de arame) ou no liquidificador, bata os ovos, o leite condensado e o óleo.
3) Junte a mistura do fermento aos demais ingredientes no liquidificador e bata por alguns minutos. Reserve.
3) Em uma tigela grande coloque metade da farinha de trigo e adicione aos poucos a mistura líquida. Mexa com as mãos para agregar bem todos os ingredientes.
4) Adicione aos poucos o restante do trigo até obter o ponto certo, que é quando a massa se solta com facilidade das mãos.
5) Passe a massa para uma superfície enfarinhada.
6) Sove até obter uma massa homogênea.
7) Cubra a massa com filme plástico e deixe-a descansar crescer.
8) Modele os pães no formato que preferir.
9) Coloque-os em uma forma untada e enfarinhada e deixe-os dobrar de volume.
10) Pré aqueça o forno. (180°C).
11) Pincele os pães com o leite.
12) Leve os pães ao forno por aproximadamente 40 minutos ou até que a superfície esteja dourada.
13) Depois de assados, coloque-os sobre uma grade para resfriarem.

Ufa! Agora é só arrumar a mesa, passar um cafézinho e saborear o pão, que fica com uma textura beeeemm fofinha!

Ah! Já ia me esquecendo...
Este é o meu caderno de receitas que fiz em 2009, antes de me casar. Hoje ele continua com as mesmas receitas, e confesso que um tanto vazio, pois depois que criei o blog comecei a guardar as receitas só no computador, infelizmente. Quem sabe um dia não atualizo o meu caderninho? Com certeza, seu eu fizer isso, vai faltar espaço!


Espero que tenham gostado! =)

Beijocas pra vocês!
Cintya Maria

05/02/2013

Fatias de Berinjela ao Forno


Berinjela é um dos legumes que mais gosto e por isso, tenho procurado usá-la mais vezes no meu cardápio semanal.
Aprendi a comê-la depois de grande e foi no susto, viu minha gente?
Um belo dia chego em casa e tínhamos no almoço: Parmeggiana! Humm... adoro! Salivei só de pensar e na primeira garfada, achei que aquele "bife" estava meio estranho, diferente... E aí fiz a pergunta: que carne é essa? E a resposta surpreendeu, não é carne, é berinjela! rsrs...
Desde então, perdi o preconceito e o tal legume entrou definitivamente para o meu cardápio e agora eu até me atrevo fazer outras versões e combinações.
Desta vez, trago algo muito simples, rápido, fácil e saboroso, além de nutritivo, claro.
Preciso dizer que a inspiração foram as famosas bruschettas (a clássica traz: pedacinhos de tomate aromatizados com alho e manjericão, sobre um pão tostado), onde no lugar do pão usei as berinjelas.

Fatias de Berinjela ao Forno
Para 02 pessoas

06 fatias de berinjela (de +/- 2 cm)
03 tomates italianos bem maduros picados
02 dentes de alho picados em pedaços bem pequenos
Ervas (use as que mais gostar)
Azeite, sal e orégano a gosto
Queijo parmesão para polvilhar
Óleo para untar

Preparo

Pré aqueça o forno (180°C)
1) Lave bem a berinjela e corte-a em fatias (de +/- 2 cm). Reserve.
2) Pique os tomates em cubinhos, o alho em pedaços bem pequenos, e coloque-os em uma tigela. Tempere com um fio de azeite, sal e as ervas de sua preferência e misture bem. Reserve.
3) Sobre uma forma previamente untada com óleo, distribua as fatias de berinjela. Regue cada fatia com um fio de azeite e sobre elas coloque a mistura feita com os tomates e o alho.
4) Polvilhe queijo parmesão sobre os tomates.



5) Leve ao forno por +/- 20 minutos ou até que a polpa da berinjela esteja macia. (teste com um garfo)
6) Sirva imediatamente.



Beijos e tenham todos um ótimo dia!

Cintya Maria